4 de junho de 2016

São Paulo: Menino de 10 anos é morto a tiros pela PM depois de furtar carro


Um menino de 10 anos foi morto pela Polícia Militar de São Paulo durante uma troca de tiros na noite desta quinta-feira (3) na zona sul da cidade. Segundo o jornal 'Bom Dia SP', os policiais contaram que estavam patrulhando a Rua José Ramon Urtiza, na Vila Andrade, quando viram um carro roubado com duas pessoas dentro. Outro menino de 11 anos que estava dentro do carro foi apreendido.

Ainda de acordo com a versão dos policiais, durante a perseguição ao carro roubado, o garoto que conduzia o veículo perdeu o controle da direção e acabou batendo em um ônibus. Logo depois, as crianças teriam atirado nos policiais, que iriam fazer a abordagem. A PM revidou e atirou, matando o menino de 10 anos.

O outro garoto de 11 anos foi apreendido juntamente com uma arma calibre 38. O caso foi registrado no Departamento Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (DHPP).

Roubo
Na delegacia, o menino de apreendido confessou que planejava assaltar um edifício com o amigo, mas desistiram depois que encontraram um carro com os vidros abertos na rua e resolveram furtar o veículo. Ainda de acordo com a Polícia Civil, o menino também contou que atirou na direção dos policiais.

Depois do depoimento, o menino foi liberado pelo DHPP na companhia da mãe, já que a idade mínima para ficar internado na Fundação Casa, para menores infratores, é 12 anos. Em conversa com a reportagem do Bom Dia SP, a mãe do menino, que também tem passagem pela polícia, disse que não consegue controlar o filho. O pai do garoto está preso.

Postagens relacionadas

São Paulo: Menino de 10 anos é morto a tiros pela PM depois de furtar carro
4/ 5
Oleh