25 de abril de 2016

Brasileiro trabalha em média 11 horas por mês para pagar conta de luz

Para pagar a conta de luz de uma residência com uma geladeira pequena — que consome cerca de 60 quilowatts horas (kWh) por mês — mais algumas lâmpadas e uns dois ventiladores, um brasileiro que ganha um salário mínimo precisa trabalhar 11,1 horas, ou seja, pouco mais de uma jornada completa de trabalho.

Já um trabalhador no Canadá que recebe o piso nacional precisa de apenas de 1,6 hora para arcar com os mesmos 100 Kwh de energia consumidos. A estimativa faz parte de um estudo do Instituto de Desenvolvimento Estratégico do Setor Energético (Ilumina), feito a pedido do jornal O Globo, a partir de dados de 23 países.

O levantamento usou como base dados da Agência Internacional de Energia (AIE) e dos países membros da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE), com exceção das nações que não têm salário mínimo estabelecido, como Noruega, Itália, Suécia, Finlândia, Suíça e Dinamarca.

No estudo, o Brasil aparece como o país onde o consumidor que ganha um salário mínimo tem de trabalhar o maior número de horas para pagar pela energia. Em segundo lugar, vem o México, com 9 horas.

Fonte: Toda Bahia

Postagens relacionadas

Brasileiro trabalha em média 11 horas por mês para pagar conta de luz
4/ 5
Oleh