2 de março de 2015

Juazeiro e Jacobina receberão mosquitos geneticamente modificados para combater dengue

Após a aprovação da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança, mosquitos Aedes aegypti geneticamente modificados serão soltos nos municípios de Juazeiro e Jacobina, no interior da Bahia. 

Os animais foram criados pela empresa britânica Oxite com o objetivo de combater a dengue. Os primeiros mosquitos serão soltos no município de Piracicaba, interior de São Paulo, até o final de abril, de acordo com anúncio da prefeitura do município. 

Apenas neste ano, já foram registrados 88 casos de dengue em Piracicaba, enquanto na mesma época de 2014 havia apenas 26, segundo a Folha de S. Paulo. Ao longo de 10 meses, a empresa deve soltar entre 20 milhões e 40 milhões de mosquitos apenas no município paulista. 

Os insetos são todos machos, então não picam, e estéreis. Dessa forma, quando buscarem fêmeas para fecundar, não haverá reprodução. BN

Postagens relacionadas

Juazeiro e Jacobina receberão mosquitos geneticamente modificados para combater dengue
4/ 5
Oleh