13 de novembro de 2014

Receita Federal realiza operação no Feiraguay e apreende mercadorias

Cerca de 100 servidores públicos da Receita Federal e polícias Rodoviária Federal e Militar participaram de uma operação no Feiraguay, em Feira de Santana, na manhã desta quinta-feira (13). A operação visa combater a comercialização de relógios contrabandeados, falsificados ou sem o selo do Imposto de Produtos Importados (IPI).

O chefe da Divisão de Repressão a Contrabando e Descaminho, Joselito Correia, informou que em setembro foi realizada uma operação em Salvador e em Alagoinhas com o objetivo de apreender relógios contrabandeados, e os proprietários das mercadorias informaram que os distribuidores eram do Feiraguay, o que motivou a fiscalização em Feira de Santana.

Milhares de relógios em situação irregular foram apreendidos nesta manhã em mais de 20 boxes fiscalizados durante a ação. Ninguém foi preso. O delegado Joselito Correia destacou que o foco da operação é a venda irregular de relógios e que no total 24 boxes seriam fiscalizados, mas dois estavam fechados e por isso não passaram pela fiscalização.

Segundo ele, a divisão realiza fiscalizações de rotina em busca de mercadoria irregular e os produtos apreendidos são levados para a sede da Receita Federal, em Salvador, onde será feita a contagem dos produtos. A contagem pode ser acompanhada pelos donos dos boxes.

O delegado informou também que, apesar das notas fiscais apresentadas, os relógios foram apreendidos porque se a mercadoria é falsa as notas fiscais também são.


Postagens relacionadas

Receita Federal realiza operação no Feiraguay e apreende mercadorias
4/ 5
Oleh