31 de janeiro de 2014

Baiano é suspeito de aliciar e estuprar 14 meninas no interior de SP

Foto: Reprodução/Facebook
Um baiano foi preso em São Carlos, no interior de São Paulo, suspeito de aliciar e estuprar pelo menos 14 meninas com idades entre 12 e 16 anos. Ele está detido desde o dia 23, depois de uma investigação de um caso de pedofilia.

Geovane Santos Santiago usava redes sociais para conquistar as adolescentes, segundo o delegado Gilberto de Aquino.“Em princípio ele fazia contato com garotas maiores, de 16 a 17 anos, e pelo perfil delas via que tinham amigas mais novas, pedia para ser inserido no Facebook dessas garotas menores, elas acabavam aceitando porque ele era amigo de outras amigas, e através dessa rede ele ia se infiltrando cada vez mais com garotas de 12, 13 anos”.

Depois, o rapaz passava a trocar fotos pornográficas pelo celular com as garotas e depois marcava encontro. Para o delegado, Geovane "as induzia". "Elas acabavam indo e ocorreram casos de estupro dentro dessa investigação".À polícia, Geovane contou que é natural de Salvador. Ele foi para São Carlos há dois meses, período em que seduziu as menores. Exames de corpo de delito comprovaram 14 casos de estupro até o momento, mas a polícia acha que podem existir outros casos e continua com a investigação. O delegado suspeita que outros casos tenham acontecido em diferentes estados brasileiros, incluindo o Paraná.

Em depoimento, ele confessou que se aproximava das vítimas com intenção de ter relações sexuais, mas disse que sempre com consentimento. “Só que isso não foi comprovado nos interrogatórios. Muitas eram induzidas, levadas a erro nesse sentido e acabavam sendo pervertidas dentro de um contexto especificamente sexual, porque esse era o cunho dele. E ele me disse no interrogatório que abriu o Facebook para isso”, contou Aquino.

Vítimas contaram à polícia que os encontros eram marcados em locais públicos, mas depois Geovane oferecia carona e era quando acontecia a violência. A prisão temporária do rapaz já foi solicitada. Ele pode responder por estupro de vulnerável e por armazenas fotos de cunho pornográfico de adolescentes.

Postagens relacionadas

Baiano é suspeito de aliciar e estuprar 14 meninas no interior de SP
4/ 5
Oleh