24 de março de 2017

Em Brasília, prefeito de Irecê se reúne com o presidente do Banco do Brasil

Adicionar legenda
No intuito de promover o mais breve retorno às atividades do Banco do Brasil em Irecê, cuja sede sofreu um ataque no último final de semana, o Prefeito de Irecê, Elmo Vaz, se reuniu nessa quarta-feira (22/03) em Brasília, com Paulo Rogério Caffarelli, presidente da referida instituição financeira.

Durante a reunião o Presidente do BB e o Gerente Geral Rodrigo Nogueira, responsável pela articulação das áreas que estão atuando no reestabelecimento da agência, conversaram longamente sobre o fatídico episódio e as consequências negativas, sociais e econômicas, para o Território de Irecê, caso a agência se mantenha fechada por muito tempo.

“Somos uma das regiões mais importantes do interior do estado, com um território com mais de 20 municípios e cerca de 900 mil habitantes. Nossos segmentos comercial e de prestação de serviços são fortes, bem como a produção da agropecuária e diversas outras culturas e não podemos ficar muito tempo sem a atividade plena desta agência”, explicou Elmo Vaz.

Rodrigo Nogueira destacou o esforço da instituição financeira para garantir o funcionamento da agência. “Estamos trabalhando para colocar o quanto antes a agência em funcionamento, minimizando os danos para a população. A situação é crítica, somente na bahia já são 47 agências fechadas por conta de arrombamentos”, destacou  o gerente

A senadora Lidice da Mata se comprometeu acompanhar de perto as providências, além de gerir a situação junto a Superintendência do BB na Bahia e ao Governo do Estado. Durante a reunião ficou agendada uma rodada de diálogos em Salvador com o Superintendente Estadual Carlos Motta, que estará em Irecê na sexta feira próxima para acompanhar de perto as providências. Durante o encontro o prefeito Elmo Vaz externou sua preocupação com os comerciantes que sofreram prejuízos materiais.

Fonte: Ascom/PMI

Agência do Banco do Brasil em Irecê/BA já está em reparos

 
A agência do Banco do Brasil em Irecê, atacada por bandidos na madrugada desta segunda-feira (20), já iniciou obras de recuperação nas áreas de atendimento ao público. Embora não exista ainda previsão para reabertura da agência, a expectativa é que o atendimento seja restabelecido o mais rápido possível.

Segundo o presidente do Sindicato dos Bancários de Irecê e Região, Carlos Alberto, o reestabelecimento das atividades é prioridade. “Os reparos já estão sendo feitos para que o banco volte a funcionar rapidamente”, afirma. Segundo ele, outras agências atacadas nos últimos meses também estão em reforma. “Em Central os trabalhos já estão acontecendo a algum tempo, o atendimento deve retornar em breve”, explica. A agência de Central deve ter a reforma concluída em maio.

Por outro lado, as agências do BB em Ibititá e João Dourado seguem fechadas, sem previsão para recuperação. A situação do banco em João Dourado é especialmente complexa, de acordo com o presidente do sindicato. “O prédio lá era muito antigo, então a recuperação dele é muito complicada. Por enquanto, segue sem previsão de reforma e reabertura lá”, esclarece ele.

Prefeitura pede celeridade de reabertura da agência ao BB

Nesta quarta, o prefeito de Irecê, Elmo Vaz, esteve em Brasília para conversar com o presidente do Banco do Brasil, Paulo Rogério Caffarelli sobre a necessidade de recuperar rapidamente as atividades do banco na cidade. Segundo o prefeito, a situação pede urgência.

“Somos uma das regiões mais importantes do interior do estado, com um território com mais de 20 municípios e cerca de 900 mil habitantes. Nossos segmentos comercial e de prestação de serviços são fortes, bem como a produção da agropecuária e diversas outras culturas e não podemos ficar muito tempo sem a atividade plena desta agência”, afirmou Elmo durante a reunião.

O gerente-geral do BB, Rodrigo Nogueira, presente na reunião, disse que o banco está se esforçando para garantir a retomada do funcionamento da agência o mais breve possível. “Estamos trabalhando para colocar o quanto antes a agência em funcionamento, minimizando os danos para a população. A situação é crítica, somente na bahia já são 47 agências fechadas por conta de arrombamentos”, destacou, lembrando do grande número de agências do BB comprometidas por ações criminosas no estado.

Na manhã de hoje (23), já de volta a Salvador, Elmo Vaz esteve com o superintendente estadual do BB, Carlos Mota dos Santos, reforçando os pedidos de celeridade na recuperação da agência ireceense. O superintendente deverá visitar Irecê nesta sexta-feira (24) para deliberar providências na retomada de atividades bancárias do BB na cidade.

Fonte: Rodrigo de Castro

23 de março de 2017

Salvador vai sediar primeira etapa da corrida internacional Asics Golden Run

Foto: ilustrativo
No dia 14 de maio, Salvador vai sediar a primeira prova do ano da Asics Golden Run, considerada a melhor meia maratona do país. Mais de 6 mil atletas participarão da corrida, que será a primeira do circuito realizada na região Nordeste. A edição baiana contará com apoio institucional do Governo do Estado.

O percurso é ponto forte da prova, considerado os 21 km mais rápidos do Brasil. Em Salvador, a largada será no CAB (Centro Administrativo da Bahia), seguindo pela Avenida Paralela Orla de Salvador e chegada na Nova Praça Piatã.

Essa também será a primeira vez que o circuito de corridas vai contemplar, além de mais quatro cidades no Brasil (Belo Horizonte, Brasília, Rio de Janeiro e São Paulo), três outros países da América do Sul: Argentina, Chile e Peru.

As inscrições já estão abertas no site e podem ser feitas em http://www.asicsgoldenrun.com/21k2017/salvador/.

Vídeo: 12 presos e um morto em confronto com a polícia, envolvidos na explosão de banco em Irecê-BA

A Rede Bahia mostrou na noite desta quarta-feira, 22 de março de 2017, uma matéria com imagens das explosões e tentativa de arrombamento ao Banco do Brasil de Irecê. Até o momento 12 pessoas foram presas e um morto em confronto com policiais. 

Fonte: Augusto Urgente



22 de março de 2017

Audiência pública vai discutir o desenvolvimento sustentável e econômico da região de Irecê

 
A Câmara de Vereadores de Irecê realiza nesta sexta-feira (24), a partir das 14h, uma audiência pública com o tema “O progresso da transposição da Bahia para o Brasil”.

O encontro contará com a presença de prefeitos, vereadores, deputados, representantes do governo do Estado e do Ministério Público. Requerida pelo vereador Paulinho do Destak, a audiência tem a coordenação técnica do Comitê de Fomento dos Parques Industriais do Semiárido do Nordeste (Cofpisne Sustentável).

O debate será entorno de propostas para o fomento e desenvolvimento sustentável e crescimento econômico da região de Irecê. A pauta do encontro conta com apresentação de diversos projetos, a exemplo da Implantação de Parque Industrial Ecológico, Revitalização dos rios Verde e Jacaré, e Canal da Redenção da Região de Irecê.

Agricultores familiares têm até dia 31 de março para aderir Garantia Safra

 
Encerra no dia 31 de março, o prazo para os agricultores familiares quitarem o boleto de adesão ao Garantia-Safra 2016/2017. O valor da adesão é de apenas R$ 8,50. O documento pode ser retirado nos Serviços Territoriais de Apoio à Agricultura Familiar (SETAFs), unidades da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), nos Territórios de Identidade da Bahia, nas secretarias de Agricultura dos municípios ou Sindicatos de Trabalhadores Rurais.

Na Bahia, desde 2009, o Governo do Estado paga, além do aporte estadual, 50% dos valores devidos aos municípios e às contribuições dos agricultores familiares. Os beneficiários do programa são os agricultores familiares que plantam até cinco hectares das culturas de feijão, arroz, milho e mandioca, que possuem a Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP) e renda de até 1,5 salário mínimo mensal.

Na safra 2015/2016, quando participaram 238 municípios, a contribuição do agricultor foi de 2% do valor do benefício (R$ 17), o município contribuiu com 6% (R$ 51,00 por agricultor); o Estado com 12% (R$ 102) e a União com 40 % (R$ 340). O valor do Garantia-Safra é de R$ 850 por agricultor, divididos em cinco parcelas de R$ 170. O benefício é pago com recursos do Fundo Garantia-Safra, composto por contribuições do agricultor, município, Estado e União.

A ação é executada pela Superintendência de Agricultura Familiar (Suaf), que recebeu, até o momento, quase 100 mil DAPs. O Garantia Safra é uma ação do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf) para agricultores que se encontram em municípios sujeitos a perdas de safra devido à seca ou ao excesso de chuvas.

Como aderir

O município deve assinar o Termo de Adesão com o governo estadual e definir a quantidade de agricultores que irão participar em sua jurisdição. Depois da adesão dos municípios, os agricultores podem realizar suas inscrições retirando os boletos nos SETAFs, secretarias municipais de Agricultura e Sindicatos de Trabalhadores Rurais. O pagamento do boleto deve ser feito em uma agência da Caixa Econômica Federal ou correspondente bancário, dentro do prazo definido para o seu município. A adesão deve ser realizada antes do plantio. As inscrições que atenderem aos critérios exigidos pelo programa são homologas pelos Conselhos Municipais de Desenvolvimento Sustentável (CMDS).

Fonte: Ascom/ SDR-BA

PRF prende em Seabra/BA traficante levando drogas para Salvador

 
Policiais Rodoviários Federais prenderam hoje (22) um passageiro de ônibus interestadual que transportava substância semelhante à maconha para Salvador/BA. O flagrante foi registrado por volta de 10h50, no KM 386 da BR 242, trecho do município de Seabra/BA, na Chapada Diamantina.

Durante abordagem a um ônibus que fazia a linha Goiânia/GO X Salvador/BA, os policiais realizaram os procedimentos de fiscalização do veículo e identificação dos respectivos viajantes, momento em que foram encontrados, dentro de uma mala, no compartimento de cargas, aproximadamente 7 kg de substância análoga à maconha distribuídos em 13 pacotes. Os PRFs identificaram o proprietário do entorpecente dentre os passageiros. Ao ser questionado, o homem, que tem 33 anos, informou que embarcou com a droga em Anápolis/GO e estava levando para Salvador, onde receberia o pagamento pelo transporte.

Preso em flagrante pelo crime de tráfico de drogas, o indivíduo foi encaminhado junto, com a droga, para a delegacia de polícia judiciária local.

Fonte: Central Notícia/ PR

Governo do Estado promove debate sobre alternativas para combate ao racismo e à intolerância na mídia

 Fotos: Camila Souza/GOVBA
Com o Teatro Vila Velha, em Salvador, lotado, militantes do movimento negro, comunicadores e representantes das religiões de matriz africana e de diversas entidades baianas discutiram, na tarde desta terça-feira (21), alternativas para o combate ao racismo e à intolerância na mídia. A atividade, promovida pelo Governo do Estado, por meio da Secretaria de Promoção da Igualdade Racial do Estado (Sepromi), marcou o Dia Internacional pela Eliminação da Discriminação Racial.

“Numa data emblemática da luta racial, procuramos amplificar as vozes da sociedade civil que fazem o combate às opressões, debatendo a representação e as formas de abordagem da imagem do povo negro nos meios midiáticos. Como esfera governamental, somamos nossas ações a esta agenda”, afirmou a titular da Sepromi, Fabya Reis. Ela citou políticas afirmativas e serviços mantidos pelo Governo do Estado, como a Rede e o Centro de Referência de Combate ao Racismo e à Intolerância Religiosa Nelson Mandela, que monitoram a ocorrência de casos em todas as suas tipificações.


O diretor geral do Instituto de Radiodifusão Educativa da Bahia (Irdeb), Flávio Gonçalves, ressaltou que o enfrentamento às violações de direito no campo racial deve estar na ordem do dia. “O racismo acontece todos os dias. Portanto, deve ser uma questão discutida durante todo o ano. É fundamental que os veículos de comunicação reflitam sobre a presença da população negra e o tratamento de suas questões nestes espaços”.

Durante o evento, o Irdeb e a Sepromi firmaram um Acordo de Cooperação Técnica que oficializa a TVE Bahia como emissora oficial da Década Internacional Afrodescendente na Bahia. “Temos dado cada vez mais espaço a esta pauta, entendendo nosso compromisso enquanto televisão pública no estado de maior concentração negra do País, potencializando o trabalho que já desenvolvemos de forma periódica”, enfatizou Gonçalves.


O membro do Conselho de Desenvolvimento da Comunidade Negra (CDCN) e profissional de mídia impressa, Yuri Silva, destacou a importância do debate. “Reforça nosso papel decisivo em desconstruir as práticas racistas, intolerantes e homofóbicas por meio das mídias. É um trabalho de mudança de culturas”.

A jornalista Cleidiana Ramos, do site Flor de Dendê, afirmou que “ainda estamos num momento incipiente neste contexto, mas a democratização da comunicação através da internet, por exemplo, possibilita ampliar esse debate em torno das questões das identidades, religiosidades afro-brasileiras. São novas alternativas que dão esperança na inserção de conteúdos de qualidade”.

GOV/BA





FAEB discute com deputados Projetos de Lei que podem prejudicar agropecuária

 
Os Projetos de Lei sobre o uso e comercialização de defensivos agrícolas, que estão tramitando na Comissão Constitucional de Justiça da Assembleia Legislativa foram pauta de discussão, em reunião realizada nesta quarta-feira, 22, na sede da FAEB, em Salvador. O vice-presidente da Federação da Agricultura e Pecuária da Bahia, Humberto Miranda, se reuniu com deputados estaduais; o secretário da Agricultura, Vitor Bonfim; o presidente da ADAB, Marco Vargas; o presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Barreiras, Moisés Schmidt, além de representantes de Federações e instituições ligadas ao assunto, para debater os impactos negativos para a agropecuária da Bahia, caso os Projetos sejam aprovados.

Os Projetos de Lei 21.273/2015, 21.314/2015, 21.317/2015 e 21.882/2016 proíbem a utilização e comercialização de defensivos com diversos componentes ativos; a pulverização de defensivos realizada por meio de aeronave, e a indicação sobre uso de agrotóxicos na rotulagem dos alimentos.

O engenheiro agrônomo Luis Carlos Ribeiro, representante do Sistema de Registro Nacional, destacou alguns pontos do parecer técnico da instituição que atestam equívocos nos projetos. “Muitos dos ingredientes ativos listados no Projeto de Lei 21.273, por exemplo, nem estão mais no mercado, e outros estão em reavaliação. Esses componentes são reavaliados constantemente pelos órgãos competentes. A legislação do Brasil, quanto à fabricação e utilização de defensivos, é uma das mais rigorosas do mundo”, pontuou Ribeiro.  

Para Humberto Miranda, vice-presidente da FAEB, “a proibição da utilização desses produtos, sem nenhum amparo legal ou técnico, certamente vai gerar uma série de prejuízos econômicos ao setor, seja no aumento dos custos de produção – que vai interferir na produtividade das culturas e, consequentemente, no aumento dos preços dos produtos que chegam à mesa do consumidor -, na geração de emprego e renda, e até mesmo na fixação do homem no campo, que terá dificuldade de viabilizar sua atividade agropecuária no estado”.

Segundo Miranda, o ideal é que aconteça a intensificação da fiscalização e o esclarecimento dos produtores rurais, quanto ao uso correto dos produtos. “A FAEB e o SENAR BAHIA já fazem sua parte neste sentido, promovendo capacitações que ensinam o produtor como aplicar os defensivos, sem que cause danos à saúde dos produtores, trabalhadores rurais, consumidores e assim como ao meio ambiente”.

Ele pontuou ainda que “somos a caixa de ressonância das demandas dos produtores rurais baianos, representamos a classe e termos que estar afinados com o legislativo e o poder público sempre a favor da agropecuária baiana”.

O secretário da Agricultura, Vitor Bonfim, disse durante a reunião que é fundamental que os deputados façam um monitoramento constante da tramitação desses projetos e entendam, tecnicamente, quais são os impactos da Lei. “Temos que ampliar essa discussão para outras regiões, notadamente neste momento de crise, para que as demandas possam caminhar”, afirmou Bonfim.

Depois de quase três horas de reunião, ficou acordado que os pareceres técnicos elaborados pelas entidades envolvidas – todos comprovando equívoco nos Projetos de Lei – serão levados aos demais deputados em audiência na Assembleia Legislativa.

Participaram da reunião os deputados estaduais Antônio Henrique Júnior (PP), Eduardo Salles (PP), Luiz Augusto (PP) e Pablo Barrozo (DEM); o vice-presidente Financeiro da FAEB, Edson Monis; o assessor jurídico da FAEB, Carlos Bahia; além de representantes da SINDAG, Syngenta, Fecomércio Bahia, FIEB, SINDIVEG, SEAGRI e ADAB.


Ibametro e Detran assinam convênio para controle de tacógrafos

Foto: Divulgação/Detran-BA
Contribuir para a redução de acidentes nas estradas baianas a partir da fiscalização mais intensa do cronotacógrafo, equipamento considerado a caixa preta de veículos de grande porte na investigação de ocorrências. Este é o objetivo do termo de cooperação técnica assinado pelo Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA) e pelo Instituto Baiano de Metrologia e Qualidade (Ibametro), nesta quarta-feira (22), na sede do Detran, em Salvador. 

A parceria entre os órgãos vai ampliar o controle da circulação dos veículos, preservando vidas humanas. O cronotacógrafo registra velocidade, tempo e distância percorrida pelo automóvel, permitindo descrever o comportamento do motorista. Tais informações são aceitas legalmente como prova em caso de acidentes ou denúncias de má condução do veículo. 

Os proprietários de caminhões, ônibus e vans deverão apresentar ao Detran, a cada dois anos, os certificados expedidos pelo Ibametro. As informações apresentadas serão armazenadas no Registro Nacional de Veículos (Renavam). “Estaremos ao lado do Ibametro para intensificar a fiscalização da velocidade utilizada e do comportamento do condutor. É mais uma ação nossa para salvar vidas, no esforço pela garantia da segurança viária no estado”, afirmou o diretor-geral do Detran, Lúcio Gomes.

O diretor-geral do Ibametro, Randerson Leal, explica que a fiscalização contínua acontece nas principais estradas baianas, em parceria com a Polícia Rodoviária Federal (PRF) e o Batalhão Rodoviário da PM. “Agora, com o Detran, vamos ampliar nosso raio de ação para que os motoristas abordados apresentem o certificado, atestando que o equipamento está funcionando corretamente. Essa ação mais efetiva certamente impactará na redução dos acidentes, muitos dos quais com vítimas fatais”, destacou Leal. 

Uso obrigatório 

Em 2016, o Ibametro verificou mais de 25 mil cronotacógrafos. Este ano, oito mil já foram certificados. O uso do equipamento foi regulamentado pela resolução 92/1999 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e passou a ser obrigatório em veículos de carga, com peso bruto superior a 4.536 quilos, e de passageiros, com mais de 10 lugares. 

O equipamento possui um disco diagrama, de papel especial, que registra as velocidades desenvolvidas pelos veículos, intervalo de tempo parado e em deslocamento e distâncias percorridas. Na parte central, há espaço para o nome do condutor, local, data de início e fim do percurso e identificação do veículo.  

Detran-BA

Lídice solicita audiência no BB para tratar de situação de Irecê

 
A senadora Lídice da Mata (PSB-BA) conversou com o presidente do Banco do Brasil, Paulo Rogério Caffarelli, sobre a situação financeira  de Irecê e solicitou a marcação de uma audiência para o prefeito do município, Elmo Vaz, falar sobre o assunto com a direção do banco. 

O encontro entre o gestor e os representantes da instituição financeira deve ocorrer na tarde desta quarta-feira (22).

Por. Jornalista Gabriel Carvalho

21 de março de 2017

Homem morre em confronto com o BOPE em João Dourado/BA

 
No começo da tarde desta terça-feira (21), um homem conhecido por ‘Soró’, morreu em confronto com Militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope).

De acordo com as primeiras informações, o homem tinha passagem pela polícia, mas não pode ainda afirmar se ele tinha envolvimento com o bando que explodiu a agência do Banco do Brasil, em Irecê, na madruga de segunda-feira (20).

Peritos do Departamento de Polícia Técnica foram acionados e removeram o corpo de Soró para o Instituto Médico Legal de Irecê.

Militares do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) e do Grupamento Aéreo (Graer) já estão em  Irecê para reforçar as buscas pela quadrilha que deixou a agência do BB parcialmente destruída.

Uma equipe da Polícia Civil da 14ª Coordenadoria e Guarnições da Polícia Militar do 7° Batalhão também estão atrás dos bandidos.

Fonte: Central Notícia