17 de setembro de 2017

Luto: Morre o jornalista Marcelo Rezende

Luto: Morre o jornalista Marcelo Rezende


O jornalista Marcelo Rezende morreu, neste sábado (16/9), aos 65 anos. O autor do bordão “Corta para Mim” lutava contra câncer no fígado e no pâncreas. Desde a última terça-feira (12), ele estava internado no hospital Moriah, na Zona Sul de São Paulo.


Marcelo Rezende construiu carreira na televisão em programas policiais. Antes de morrer, o jornalista comandava o “Cidade Alerta”, da rede Record. A atração mostrava crimes e ações das forças de segurança.


O apresentador, que deixa cinco filhos, também passou pela Globo, onde comandou o “Linha Direta”. Na RedeTV! esteve à frente do telejornal “RedeTV! News”.


O jornalista Marcelo Rezende morreu, neste sábado (16/9), aos 65 anos. O autor do bordão “Corta para Mim” lutava contra câncer no fígado e no pâncreas. Desde a última terça-feira (12), ele estava internado no hospital Moriah, na Zona Sul de São Paulo.


Marcelo Rezende construiu carreira na televisão em programas policiais. Antes de morrer, o jornalista comandava o “Cidade Alerta”, da rede Record. A atração mostrava crimes e ações das forças de segurança. 



O apresentador, que deixa cinco filhos, também passou pela Globo, onde comandou o “Linha Direta”. Na RedeTV! esteve à frente do telejornal “RedeTV!News”.

16 de setembro de 2017

Festa de 56 anos de Ibipeba será realizada nos dias 22 e 23 de Setembro, confira a programação


Um grande evento vai marcar os 56 anos de emancipação política administrativa da cidade de Ibipeba, na região do centro norte da Bahia.


Com uma estrutura de ponta, as comemorações serão realizadas nos dias 22 e 23 de Setembro, com shows de Tayrone, Naldinho e Léo Rios e da banda Bandana.

15 de setembro de 2017

MP-BA denuncia ex-secretário de Assistência Social de Barro Alto por desviar R$ 4,4 mil

 
O ex-secretário de Assistência Social do município de Barro Alto, Genicleudo Gualberto da Silva, foi denunciado hoje, dia 14, pelo Ministério Público estadual por desviar em proveito próprio um total de R$ 4.449,00 em recursos públicos. O montante foi recebido em diferentes valores mensais durante cinco meses de 2014 (julho, agosto, setembro, outubro e dezembro) e em fevereiro de 2015. Segundo a denúncia, oferecida pelo promotor de Justiça Áviner Rocha Santos, Genicleudo da Silva recebeu o total desviado em espécie e pessoalmente no gabinete da Secretaria.

De acordo com as investigações, os repasses foram entregues ao então secretário por três conselheiros tutelares a quem Genicleudo da Silva pediu pessoalmente que recebessem os valores em suas contas-correntes. Aos conselheiros, o ex-secretário teria alegado que o dinheiro era para pagar a remuneração de uma funcionária de serviços gerais recém-contratada pelo órgão. Os repasses teriam sido depositados na conta dos conselheiros a título de pagamento de horas-extras nunca trabalhadas, sacados e depois entregues nas mãos do então secretário.

Fonte: MP/BA

Jovem morre em casa após passar pela UPA e procurar Posto de Saúde em Irecê

 
Uma jovem de 25 anos morreu nesta quarta-feira (13), no bairro Silva Pereira, em Irecê. De acordo com informações, Edcleia Silva se preparava para ir à UPA da cidade, depois de se sentir mal, mas foi encontrada já morta no banheiro.

Segundo relatam familiares, ela  começou a passar mal no último domingo, com vômito e fortes dores no abdome e costelas. Foi atendida inicialmente na UPA, onde teria tomando um soro e depois liberada.

Na terça-feira, a vítima foi ao Posto de Saúde, mas não conseguiu atendimento e voltou para casa. Na manhã de hoje, ela caiu e ficou desacordada em casa quando se preparava para procurar ajuda médica novamente e, infelizmente veio a óbito.

A doença da jovem ainda não foi esclarecida. Nem a UPA nem a Secretaria de Saúde da cidade se pronunciaram até a postagem dessa matéria.

Nas redes sociais, amigos, parentes e sociedade lamentam o episódio. “Mais um ser humano que passoupela UPA; em menos de um mês já foram dois casos. Absurdo, protestou um internauta. “Uma vergonha nossa saúde”, desabafou outro leitor. “Quandos mais vão precisar? Nós clamamos socorro e o atendimento da UPA também”, completou outra internauta. 

Fonte/Foto: Irecê Repórter

Municípios podem regularizar dívidas de pequenos produtores com desconto de até 95%

 Imagem reprodução internet
Com base na Lei 13.340, que autoriza a liquidação e a renegociação de dívidas de crédito rural com descontos para liquidação de até 95% e como solução para regularizar débitos dos agricultores, o Banco do Nordeste sugere que os produtores rurais paguem 1% da dívida, a fim de renovar o crédito, permitir novos prazos de quitação e possibilitar outros financiamentos. Essa proposta foi feita em reunião na manhã desta segunda-feira (11), que aconteceu entre o presidente da União dos Municípios da Bahia e prefeito de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro, e o superintendente do Banco do Nordeste na Bahia, Antônio Jorge.

A partir dessa renegociação, os prefeitos podem injetar recursos na economia local e os produtores rurais, que sofrem com a crise econômica e com a seca, podem contratar mais crédito para gerar renda. “No município de Bom Jesus da Lapa eu já aderi e a prefeitura quitou a dívida dos produtores rurais. A partir do pagamento de apenas 1% do total de débitos, vou possibilitar que seja injetado cerca de R$ 12 milhões, apenas na minha cidade”, exemplificou Eures.

Os prefeitos interessados devem procurar as agências do Banco do Nordeste em seus municípios para firmar a parceria, dando a condição de renegociar ou liquidar as dívidas dos produtores rurais. O prazo atual para regularização de dívidas é 31 de dezembro.

A proposta vale para operações de crédito rural contratadas até 2011 e os produtores têm uma carência de mais quatro anos. Esse 1% é sobre o valor inicial do empréstimo, sem juros aplicados. O Banco do Nordeste tem 59 agências em toda a Bahia.

“A parceria será de extrema importância para os produtores rurais da região e para economia local. Serão permitidos novos investimentos, o que resulta em geração de renda”, disse o superintendente do Banco.

Fonte: Ascom/ UPB

14 de setembro de 2017

Esclarecimentos do Prefeito e Vice-Prefeito ao povo de Barra do Mendes e região


O Prefeito e Vice-Prefeito de Barra do Mendes, Armênio Sodré Nunes (Galego) e Erick Gilliard Bastos De Souza (Erick), tendo em vista as notícias e boatos veiculados nas últimas horas, esclarecem ao povo de sua terra que:

Apesar da decisão proferida pela Juíza da 176ª Zona Eleitoral, que acatou pedido do ex-candidato Rildo Vieira, que recebeu apenas 31,01% dos votos contra 68,99% dos eleitos, o Prefeito e Vice-Prefeito de Barra do Mendes continuam no cargo, trabalhando normalmente em prol do povo de nossa terra, até o transito em julgado da decisão, a qual será revertida em recursos que já estão sendo protocolados.

Confiamos estritamente na Justiça Eleitoral que em suas instâncias superiores reformará a decisão, mantendo integro o mandato dos eleitos e boa continuidade administrativa que Barra do Mendes vem atravessando.




Barra do Mendes - BA - 14 de setembro de 2017
Armenio Sodré Nunes (Galego) e Erick Gilliard Bastos De Souza (Erick)


Juiza cassa mandatos de prefeitos de Ibipeba e Barra do Mendes


No expediente desta quarta-feira (13), a juíza titular da 176ª Zona Eleitoral de Barra do Mendes, Marina Lemos de Oliveira, cassou os mandatos dos prefeitos Armênio Sodré Nunes (Barra do Mendes), conhecido como Galego, e Demóstenes de Sousa Barreto Filho (Ibipeba). Além disso, os vices das respectivas cidades, Erick Gilliard Bastos e Otaniel Pereira da Cruz, também tiveram os diplomas das eleições 2016 cassados pela mesma juíza. Em Barra do Mendes, onde o prefeito foi reeleito, pesam as acusações de “abuso de autoridade e abuso de poder político”. Os autos, segundo apuração do Sertão Baiano, foram enviados ao Ministério Público “para as providências”. 

No caso específico de Ibipeba, a situação “salta aos olhos” em função do grande número de irregularidades apontadas no processo com base na lei eleitoral 9504/97, que versa sobre arrecadação e gastos de campanha: transações ilícitas, ausência de prestação de contas, gastos em período vedado, gastos com transporte de eleitores, ilícitos com eventos festivos, distribuição de bebidas alcoólicas, ocultação com carros de som, ocultação com filmagens e etc. 

Tanto em Barra do Mendes quanto em Ibipeba, o que torna o fato inédito na Região de Irecê, a juíza Marina Lemos de Oliveira ordena a realização de novas eleições para os cargos de prefeito e vice e ainda aplica a “sanção de inelegibilidade” nos réus, o que (em teoria) os impede de disputar os novos pleitos. Apesar da clareza, contundência e embasamento das decisões da magistrada, consultado pela reportagem do Sertão Baiano, o advogado Alex Vinícius Novaes Machado não acredita na realização de novas eleições “devido às alterações na legislação eleitoral introduzidas pela Lei 13.165/2015 que alterou os efeitos dos recursos em casos como esses”. “A interposição do recurso pelas defesas já garante efeito suspensivo, assegurando assim que os atuais gestores permaneçam nos cargos até o julgamento do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA)”, assevera o especialista.

De qualquer forma, nesta quinta-feira, 13 de setembro de 2017, Barra do Mendes e Ibipeba amanhecem num total clima de instabilidade política e administrativa. 

13 de setembro de 2017

Semana Sebrae de Capacitação tem inscrições abertas para 28 mil vagas

Foto João Alvares
Maior evento da Bahia para pequenos negócios, a Semana Sebrae de Capacitação Empresarial terá a sua terceira edição entre os dias 2 e 7 de outubro, com oportunidades em mais de 80 cidades baianas. Já é possível garantir uma das mais de 28 mil vagas ofertadas realizando inscrição no site www.semanasebrae.com.br. Em Salvador, o evento acontece mais uma vez no Hotel Fiesta, durante o dia inteiro.

A Semana Sebrae acontece durante as comemorações de 45 anos do Sebrae e oferecerá, em todo o estado, mais de 340 eventos com foco em gestão e inovação. A programação conta com seminários, oficinas e palestras sobre os mais diversos aspectos do universo do empreendedorismo, como inovação, marketing e vendas, planejamento, finanças, atendimento, gestão de estoque, liderança, gestão de pessoas, gestão estratégica, produtividade, processos, empreendedorismo feminino, modelo de negócio, startups, acesso a crédito e financiamento coletivo, entre outros. Há oportunidades gratuitas e pagas, com investimentos a partir de R$ 10.

Foto João Alvares
A instituição trará ainda especialistas nacionais para seminários que, na capital, acontecerão de segunda a sexta-feira, sempre às 19h30. Entre os nomes já confirmados, estão a jornalista Mara Luquet e o consultor financeiro Gustavo Cerbasi, que falarão sobre “Inteligência Financeira: A Estratégia que Funciona”; os publicitários Washington Olivetto e Conrado Adolpho, com o tema “Marketing: Inovações, Reflexões e Tendências”; e o coach Rodrigo Cardoso e a empresária e influenciadora digital Shantal Abreu, em apresentação sobre “Liderança Extraordinária e Marketing Estratégico”. 

No dia seguinte aos seminários, das 9h às 13h, um dos palestrantes participará no “Na Prática com o Especialista”, em que o tema abordado no dia anterior será aprofundado. Os empresários participantes terão a oportunidade de estreitar a relações, aumentando a rede de contatos e trocando experiências.

Eventos também contemplarão diferentes segmentos empresariais

Ao longo da semana, a programação oferecerá ainda palestras de inovação realizadas no lounge do evento e oficinas práticas de empreendedorismo, além de eventos voltados para segmentos diversos, como o II Encontro de Empretecos, voltado para quem já participou do Empretec, seminário com metodologia desenvolvida pela Organização das Nações Unidas (ONU) e realizado com exclusividade pelo Sebrae no Brasil.

A Semana Sebrae de Capacitação Empresarial é realizada pelo Sebrae, com o patrocínio do Santander e do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), e o apoio da Rede Bahia, Associação Brasileira de Comércio Eletrônico (ABComm) e Livraria Leitura.

Nara Zaneli
Agência Sebrae de Notícias Bahia
As Fotos crédito João Alvares




Mostra oferece oportunidades para pequenos produtores da Chapada Diamantina


Café orgânico da Chapada Diamantina, cachaça de Abaíra, biscoitos e artesanato de Souto Soares, morangos, mel e produtos oriundos do coco. Todos esses produtos foram expostos no estande do Sebrae durante a 2ª Mostra de Turismo e Negócios, que aconteceu entre os dias 7 e 10 de Setembro, em Mucugê, na Chapada Diamantina. Cerca de duas mil pessoas, entre turistas e moradores, participaram do evento, que foi realizado simultaneamente com o Desafio OGGI do Alto Paraguaçu, direcionado para ciclistas e amantes de esportes radicais.

Representante da Cooperativa de Produtos Orgânicos e Biodinâmicos da Chapada Diamantina (Cooperbio), da cidade de Piatã, Brígida Salgado fez questão de ressaltar a importância do evento, ao destacar que o café da região precisa ser apreciado e consumido por turistas e moradores. “Com essa oportunidade, pude oferecer degustações e realizar bons negócios, inclusive com novos convites para participações em feiras e eventos até fora da Bahia”, disse. 

O gerente regional do Sebrae em Irecê, Edirlan Souza, participou da Mostra, e falou sobre o incentivo aos pequenos negócios presentes no espaço. “A maioria dos expositores que participou é formada por pequenos negócios, associações e cooperativas. O Sebrae, além de fortalecer o elo entre os produtores e os turistas, incentivou o Movimento Compre do Pequeno Negócio, fortalecendo assim, a economia local”, explicou.

Para o organizador do evento, Juth Mattos, a iniciativa visa fortalecer o turismo e criar novas oportunidades para o visitante conhecer a Chapada de uma forma singular. “Os visitantes puderam conhecer os produtos e serviços e os empresários tiveram a oportunidade de comercializar de forma conjunta, entendendo que unidos são mais fortes”, revelou.

A programação incluiu apresentações culturais de artistas locais e movimentou cerca de R$ 1 milhão, entre hospedagens, passeios, alimentação e compras diversas. Organizado pelo Alto Paraguaçu, o evento teve o apoio do Sebrae, Prefeitura Municipal de Mucugê, Secretaria Estadual do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (SETRE), do Conselho Municipal de Turismo (COMTUR) e empresários locais.

Workshop de Integração

Durante a Mostra de Turismo e Negócios, o Sebrae também realizou o I º Workshop de Integração, no dia 8, na Câmara de Vereadores de Mucugê. O evento foi ministrado pelo consultor Aldir Parisi e teve a participação dos Comitês Gestores dos projetos Turismo, Horticultura e Café. Com o objetivo de integrar os segmentos e potencializar as oportunidades do trade turístico da região, o evento abordou temas como Turismo de Negócio, Ecoturismo, Gastronomia, Produtos Locais e Sensibilização e Capacitação da sociedade local.

O produtor de Café Orgânico da cidade de Piatã, Anailson Souza, ressaltou a importância do encontro e falou sobre a união dos comitês para o fortalecimento do turismo na Chapada. “Precisamos ampliar a visão para podemos juntar as forças da Chapada em busca de um maior envolvimento de todos. Eventos como esse nos orienta e nos mostra a importância de trabalhar em conjunto, assim, vamos atrair mais turistas e, consequentemente, a geração de renda será maior, beneficiando todos os segmentos da cadeia produtiva do turismo”, completou.

A gestora dos projetos Horticultura e Café do Sebrae, Márcia Serra, falou sobre o encontro e destacou a participação de todos os segmentos do Turismo no workshop. “A participação dos comitês mostra a importância desse trabalho feito em conjunto. O produtor que oferece o café orgânico, o morango e o mel, por exemplo, precisa do dono da pousada para comercializar os seus produtos em mais um ambiente. O turista que chega à Chapada quer sentir esse diferencial, viver uma experiência única que envolva lindas paisagens, gastronomia e roteiros inesquecíveis”, explicou.

Nara Zaneli
Agência Sebrae de Notícias Bahia






1 de setembro de 2017

Vídeo mostra ladrões roubando celulares em Central/BA

Vídeo mostra ladrões roubando celulares em Central/BA



A Polícia Militar de Central/BA, na região de Irecê está à procura de dois ladrões que foram flagrados por câmeras de vigilância enquanto roubavam aparelhos de celulares na cidade, nesta sexta-feira (01).

O crime ocorreu no início da noite por volta das 18h30, na Travessa Tancredo Neves. Os ladrões estavam numa moto e usavam capacetes. No momento da ação, um deles armado retirou o equipamento (capacete), o que dá para observar o rosto do rapaz.

Segundo a Polícia Militar, pelo menos três pessoas foram vítimas. Após cometer o crime, os suspeitos fugiram.

Quem tiver informação que pode ajudar a Polícia Militar a localizar e prender os assaltantes, mantenha contato pelo telefone (74) 99942 2434. Sua identidade será mantida em sigilo.

Fonte: Central Notícia
Brigadistas apelam para mais voluntários contra incêndio em serra de Uibaí/BA

Brigadistas apelam para mais voluntários contra incêndio em serra de Uibaí/BA

Vinte e cinco brigadistas locais voluntários estão dioturnamente tentando apagar as chamas (Foto: Reprodução)
O município de Uibaí/BA, na região de Irecê, precisa do apoio de novos voluntários para reforçar o combate aos focos de incêndio que atingem a Serra azul desde o último domingo (27). O apelo é de ambientalistas que consideram a situação fora de controle.

O fogo começou na grota do peixe, na localidade de Sobreira, e no início da semana tomou conta de toda a extensão da gruta e leito do riacho, se alastrando por toda a serra, ameaçando as nascentes dos afluentes do Rio Verde e destruindo toda vegetação.

A vegetação seca e os ventos ajudam a propagar o fogo, por isso os trabalhos são diários. De acordo com ambientalistas, até o momento, o número de seguidores no combate ao incêndio é insuficiente.

Segundo Corpo de Bombeiros, os focos de incêndio têm como principal origem as queimadas em propriedades rurais. Ainda conforme o órgão, o problema é a tradição das queimadas neste período, onde às vezes, os agricultores não têm instrução e o fogo acaba tomando grandes dimensões. Em Uibaí, porém, ainda não há informações sobre o que provocou o início das chamas.

Ao Central Notícia, brigadistas ainda não souberam estimar em hectares a área consumida pelo incêndio. A turismóloga Camylla Machado, usou as redes sociais para fazer uma apelo: ‘pessoal estamos pedindo o apoio de todos que possam colaborar, da maneira que for possível, para que possamos pôr fim a essa tragédia ambiental que está ocorrendo em nosso município. Estamos precisando principalmente de voluntários que se disponibilizem no combate direto do fogo, apesar da garra dos que já estão nessa batalha desde ontem, o número ainda não é o bastante. Pedimos também doações de mantimentos e material para a manutenção desses voluntários no local, então todos podem contribuir’.

Informações de como doar podem ser obtidas através do telefone (74) 98806 1810. Nesta sexta-feira (01), o município de Uibaí recebeu o apoio de dois brigadistas de Morro do Chapéu. De 2011 para cá, pelo menos três incêndios ocorreram no local.

Fonte: Central Notícia

31 de agosto de 2017

Micro usina de energia solar será instalada no Batalhão da PM em Irecê

 
O comandante geral da PM, coronel Anselmo Brandão, autorizou na segunda-feira (28), a liberação de recursos destinados à instalação de uma micro usina de energia solar no 7º Batalhão de Polícia Militar, localizado em Irecê, no semiárido baiano, a 470 km da capital.

Considerada uma iniciativa de vanguarda na corporação e no serviço público estadual, depois de instalado, o sistema será capaz de gerar cerca de 5.000kw/h, o suficiente para suprir todo o consumo do órgão e gerar créditos junto à concessionária de energia (Coelba), que poderão ser usados na compensação de faturas de energia de outras unidades da Polícia Militar.

Segundo o capitão George Porto, autor do projeto, o potencial solar da região é enorme e favorece o uso da tecnologia. “Buscávamos alternativas pra economizar recursos do Estado, reduzindo o custeio da máquina pública, e como temos sol em Irecê praticamente todo o ano, a energia solar é, sem dúvida, a grande solução pra reduzir gastos com energia”, declara.


A iniciativa está alinhada ao Programa de Desenvolvimento da Geração Distribuída de Energia Elétrica (ProGD), criado em 2015, e visa estimular a geração de energia pelos próprios consumidores, com base em fontes renováveis de energia. Estima-se que a economia aos cofres públicos seja de R$ 25 mil no primeiro ano de implantação, R$ 360 mil em dez anos, e R$ 1,8 milhão em 25 anos, tempo de vida útil das placas solares. A expectativa é que comece a ser implantado nos próximos 45 dias.

O comandante do 7º Batalhão, onde será instalado o sistema solar, tenente coronel Gilson Seixas, argumenta que a ação tem caráter experimental e pode no futuro ser estendida a outras unidades policiais. “Não tenho dúvida que esse projeto certamente será uma referência para toda a instituição. É uma vitória para a nossa unidade e para Polícia Militar da Bahia”, ressalta.

Irecê Repórter